BeRuby

Embaixadores

domingo, 3 de abril de 2011

Resevoir Dogs (1992)

 

rservoir dogs

“Listen kid, I'm not gonna bullshit you, all right? I don't give a good fuck what you know, or don't know, but I'm gonna torture you anyway, regardless. Not to get information. It's amusing, to me, to torture a cop. You can say anything you want cause I've heard it all before. All you can do is pray for a quick death, which you ain't gonna get.“

 

Quentin Tarantino é um dos realizadores que mais evoluiu. É, de facto, um dos melhores e mais originais realizadores contemporâneos. Resevoir Dogs é o filme que o catapulta para o sucesso.

Filmado com um pequeno orçamento, maioritariamente num armazém, com um leque de actores fabulosos que inclui, entre outros, Harvey Keitel, Tim Roth, Michael Madsen e Steve Busceni, Resevoir Dogs é um filme que conta a história de uns bandidos engravatados contratados para um roubo e que, após o roubo ter dado para o torto, tentam descobrir quem é o bufo. A piori, uma ideia simples, mas da mente de Tarantino começa-se a notar o seu cunho artístico nos seus filmes – os diálogos e a violência. São, a meu ver, o que o torna tão original. Diálogos alucinantes recheados de assunto e coerentes, misturados com uma realização agressiva e violenta mas que, de certa forma, nos agarra, não acolhe. Tarantino é um escape dos paradigmas cinematográficos e do que pensamos sobre o certo/errado.

Resevoir Dogs foi o começo da brilhante carreira de Tarantino que mostrou nesta fita o que vale e que instalou uma verdade certa a todos os que viram esta fita: Tarantino veio para ficar!

 

nota 9

6 comentários:

Luís Azevedo disse...

Não acho que o Tarantino tenha evoluído tanto assim! Este foi o seu primeiro filme e, apesar disso, está muito perto da perfeição. Da obra dele só prefiro o Pulp Fiction!
O diálogo inicial deste filme está absolutamente genial! :)

Mateus Souza disse...

Gosto muito esse primeiro trabalho de Tarantino e concordo: ele evoluiu bastante.

Não é meu preferido, mas é um ótimo filme.

ArmPauloFer disse...

Descobri este filme há imensos anos no fantasporto. Nem sabi sequer quem era o Tarantino e penso que não se falava dele. Vi-o porque era o que dava para ver no momento e foi uma enorme revelação. Tem um humor refinadissimo e é muito bom. Depois veio o Pulp Fiction e nada mais foi o mesmo.

Bruno Cunha disse...

Tarantino instalou-se na nossa época como um dos melhores realizadores. Nada foi o mesmo.

Loot disse...

Continua a ser um dos meus predilectos dele.

É um filme de grandes personagens, com grandes diálogos. No fundo aquilo que hoje é uma das grandes marcas de Tarantino

Sarah disse...

Tarantino não podia ter-se estreado melhor enquanto realizador, o filme está verdadeiramente fantástico, é dos meus preferidos! Love it. Vários são os elementos que me fazem idolatrar este filme, desde a narrativa não linear, à fantástica banda sonora, tudo é perfeito.

Sarah
http://depoisdocinema.blogspot.com